Cultura

O projeto Sesc Amazônia das Artes consiste em promover a circulação da produção cultural da região Amazônica, formadas pelos Estados: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, além de incluir o Piauí como convidado em virtude de sua proximidade geográfica e identificação com o cenário sociocultural. Oportunizar o acesso a bens culturais por meio do estímulo, difusão e intercâmbio de produtos artístico-culturais, bem como valorizar a diversidade das linguagens e as propostas que cultivem valores como a liberdade, autonomia, solidariedade, responsabilidade social e o autoconhecimento são alguns dos objetivos. O projeto é regido pelas Políticas Culturais e Diretrizes da área de Cultura e Gerais do Sesc.

O ano de 2007 marca o início efetivo do projeto e a escolha do nome no encontro de diretores regionais e técnicos de cultura, realizado no Tocantins. A partir da preocupação dos diretores da Região Amazônica, que identificaram limitações econômicas, sociais e a escassez de investimentos culturais nos seus estados, o projeto investe no estímulo e difusão artístico-cultural, destacando-se por ser inovador na região e viabilizar a circulação de um recorte da produção artística local, percebendo-o como relevante estratégia política e instrumento de transformação e desenvolvimento.

Desde sua criação, o projeto foi coordenado pelos Departamentos Regionais de Tocantins (2008), Pará (2009), Amapá (2010), Mato Grosso (2011), Acre (2012), Piauí (2013), Maranhão (2014), Roraima (2015), Amazonas (2016), Rondônia (2017) e 2018 a coordenação geral é do Departamento Regional do Tocantins.

O Departamento Regional, na função de coordenador geral, fica responsável pela promoção do encontro anual de planejamento, gestão compartilhada do processo de curadoria, montagem da programação anual, formatação e envio do projeto e relatório geral aos Departamentos Regionais e Departamento Nacional, mediação entre os Regionais para operacionalização do projeto e manutenção da rede de comunicação.

O projeto é executado por cada Departamento Regional envolvendo suas equipes, sendo que em cada um existe o curador, responsável geral pelo projeto.

Leia Também